Um dos mentores do hard bop, Horace Silver tocou com Stan Getz, Coleman Hawkins, Lester Young, Art Farmer, Milt Jackson e Miles Davis, e teve uma associação marcante com Art Blakey e os Jazz Messengers. Formou seu próprio quinteto em 1956 e desde então trabalhou bastante com esse tipo de formação, sendo um dos principais líderes de pequenos conjuntos. Passou quase trinta anos associado ao selo Blue Note. É compositor de vários temas que ficaram bastante conhecidos.

Horace Silver ficou associado ao estilo pianístico conhecido como “funky”. Inspirado no soul e no gospel, o jazz funky se caracteriza por uma repetição obstinada de figuras rítmicas sincopadas. Os improvisos são mais longos do que no bebop. As composições freqüentemente possuem uma forma estruturada em seções. Os sopros e metais comparecem desempenhando a função de moldura para a seção rítmica.

Silver é um pianista de toque duro, entrecortado e percussivo. Sua música é vigorosa e fortemente rítmica. É um excelente intérprete de blues. Entre os descendentes musicais de Silver e de seu jazz funky podemos incluir Herbie Hancock e Wayne Shorter.

Anúncios